Revista Diálogo Contábil #1


Publicado por Comunicação CRCBA em 13 de maio de 2019

O lançamento de uma revista técnica é sempre algo a ser saudado com entusiasmo. Trata-se de mais uma contribuição desta gestão do CRCBA para oportunizar a construção de novos conhecimentos e divulgação do resultado de um esforço que, muitas vezes, fica restrito a poucos.

A revista Diálogo Contábil, como algumas outras dessa natureza, é, mormente, uma possibilidade de dar ciência ampla e irrestrita à classe contábil e a sociedade em geral dos resultados de estudos e pesquisas. Ela atende ainda a uma das finalidades basilares da disseminação do conhecimento provocando com isso o debate que revele dissensos e consensos, fundados nos princípios e nos métodos científicos.

Por isso temos o prazer de entregar este primeiro número da Revista Eletrônica do Conselho Regional de Contabilidade da Bahia, intitulada como “Diálogo Contábil”, com periodicidade semestral, orientada por um conselho editorial de nível elevado. O leitor observará que este volume trata um assunto importante para a classe contábil que é o envolvimento da Mulher Contabilista na política classista, tema que consideramos de importância pelo próprio crescimento da presença feminina na profissão que anteriormente era em sua maioria composta por homens. A mulher estudante de contabilidade hoje representa 53% dos bacharelandos de Ciências Contábeis, e como profissional registrada nos Conselhos Regionais de Contabilidade no Brasil, representam aproximadamente 43%. Especificamente no Estado da Bahia, representam 40% da classe contábil.

Em relação ao conteúdo da revista, um grupo de especialistas ad hoc aprecia, seleciona e aprova os textos submetidos, de maneira independente e resguardando o anonimato. A revista preserva todo o processo editorial com controle e transparência, fazendo com que seja reconhecida como uma revista técnica de excelência, particularmente no campo da Contabilidade. Os textos enfatizam a qualidade e relevância dos temas tratados e as contribuições baseadas em reflexões técnicas.

Nessa primeira edição, por exemplo, o tema central é o Projeto da Mulher Contabilista da Bahia. Sendo completado com a entrevista da contadora Maria Constança Carneiro Galvão, responsável em implantar esse projeto aqui na Bahia. Outra entrevista interessante é a da contadora Dilza Ramos Rodrigues, que simboliza a trajetória de luta da mulher contabilista.

A contadora Liêda Amaral assina a reportagem sobre e-social. O artigo técnico “Relato da Implantação do Sistema de Informação de Custos no Ministério Público do Estado Da Bahia” objetiva relatar o case bem sucedido da implantação do Sistema de Informação de Custos, com o uso de Business Intelligence, no Ministério Público do Estado da Bahia – MPBA, o qual busca atender a dois propósitos: reduzir os gastos públicos e dar mais transparência da utilização dos recursos, assinado pelos contadores Robério Pereira da Silva Júnior e André Luís Sant’Ana Ribeiro.

As quatro contadoras que compõem o Conselho Diretor do CRCBA: Lorena de Andrade Pinho, Mércia Cristina Andrade Dias, Maria do Socorro Galdino Moreira e Sonia Maria da Silva Gomes fazem o fechamento da primeira edição com a reflexão do papel de cada vice-presidência.

As problemáticas que serão tratadas nesta revista nos mobilizarão a interrogar sobre as nossas práticas na área contábil e ampliar os nossos conhecimentos de forma efetiva e ainda nos levam a inquirir a respeito do valor do conhecimento técnico para o exercício da profissão.

Desejo que a leitura desta revista seja proveitosa.

Prof. Dr. Antonio Carlos Ribeiro da Silva – Presidente do CRCBA