Controle Interno


A Vice-presidência de Controle Interno, órgão executivo do Conselho Regional de Contabilidade do Estado da Bahia, tem por finalidade auxiliar no planejamento, controle e avaliação da execução orçamentária e financeira do CRCBA.

Compete à Vice-presidente de Controle Interno coordenar os trabalhos da Câmara de Controle Interno, em observância às suas atribuições estabelecidas no Regimento Interno do CRCBA, a exemplo de:

a) examinar as demonstrações das receitas arrecadadas, verificando se as parcelas devidas ao CFC foram remetidas corretamente e com observância dos prazos estabelecidos; 

b) controlar o recebimento de legados, doações e subvenções; 

c) examinar os comprovantes de despesas pagas, quanto à validade das autorizações e quitações respectivas; 

d) analisar e dar parecer sobre a prestação de contas, os balancetes mensais, o balanço do exercício, o relatório de gestão e os pedidos de abertura de créditos especiais e suplementares, a serem submetidos ao Plenário e enviados para aprovação do CFC; 

e) apresentar proposta orçamentária ao Presidente, acompanhada de parecer, encaminhando-a ao Plenário, até a última sessão ordinária anterior a data determinada pelo CFC para encaminhamento das propostas de Orçamento e Plano de Trabalho para o exercício seguinte; 

f) examinar as prestações de contas dos Funcionários, após aprovação da Presidência e Diretoria Executiva;

g) fiscalizar, periodicamente, a tesouraria, o almoxarifado, os bens patrimoniais e a contabilidade, examinando os livros e demais documentos relativos à gestão financeira, o que constará, obrigatoriamente, de seu relatório mensal; 

h) emitir pareceres sobre subvenções, processos de licitações, contratos e convênios, solicitando análise do jurídico quando necessário;

i) Examinar os relatórios gerenciais; 

j) acompanhar a execução do Plano de Trabalho e Orçamento Administrativo.

A Câmara de Controle Interno, no uso de suas atribuições, também tem como competência emitir Orientações e/ou recomendações no sentido de auxiliar a tomada de decisão da Administração.


A Câmara de Controle Interno é formada pelos seguintes membros:

Presidente – Josana Mota Bispo Amaral

Efetivos

NELSON HENRIQUE DE CARVALHO
CRISTIANO SILVA BORGES

Suplentes

GERMANE SANTOS SACERDOTE
MÉRCIA CRISTINA ANDRADE DIAS

Atividades:

Exercício 2021:

No exercício de 2021, foram emitidas diversas orientações/recomendações às áreas requisitantes, assim como foram criadas diversas instruções normativas e resoluções;

No segundo semestre do exercício de 2021, também foram acompanhados os trabalhos de auditoria do CFC sendo atendidas às requisições, principalmente no que se refere à criação de Normas;

Os relatórios de auditoria anuais dos Conselhos são disponibilizados nos respectivos portais da transparência, assim como, os processos de prestação de contas e relatórios de gestão no formato de relato integrado.

A Câmara de Controle Interno desenvolveu atividades no sentido de assegurar a legalidade, legitimidade e economicidade dos atos, dando suporte ao Gestor na preservação do patrimônio visando o interesse público, assim como buscou assegurar a eficiência operacional e sugeriu melhorias nas políticas internas fundamentada no princípio da legalidade e eficiência.